sexta-feira, 7 de junho de 2013

Comunicado da Celac sobre a inclusão de Cuba na lista de Estados Patrocinadores do Terrorismo

A Comunidade dos Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac) conheceu com preocupação a inclusão de Cuba na Lista de Estados Patrocinadores do Terrorismo que publica o Departamento de Estado dos Estados Unidos da América.

Sobre este particular, a Celac lembra a alínea 24 da Declaração de Santiago, aprovada pela 1ª Cúpula da Comunidade realizada nos dias 27 e 28 de janeiro de 2013, que diz: “Repudiamos firmemente as avaliações, listas e certificações unilaterais e ilegítimas que fazem alguns países desenvolvidos e que prejudicam países da região, especialmente as referidas ao terrorismo, ao narcotráfico, ao tráfico de pessoas e outras de similar caráter”.
Igualmente, lembra o “Comunicado Especial de Apoio à Luta Contra o Terrorismo em Todas Suas Formas e Manifestações”, também aprovado na 1ª Cúpula da Celac, que diz: "”Repudiam a elaboração unilateral de listas acusando Estados de, supostamente, apoiar e copatrocinar o terrorismo, o que é inconsistente com o Direito Internacional".

Portanto, à luz dos documentos aprovados por seus Chefes de Estado e de Governo em sua 1ª Cúpula, a Celac reclama ao governo dos Estados Unidos da América a pôr fim a essa prática unilateral.

Retirado de Granma Internacional

Nenhum comentário:

Postar um comentário